Gosto de Fel

TRAILER

Suspense policial extremamente denso, Gosto de Fel aborda o lado obscuro do ser humano, onde ninguém é o que aparenta.

Escrito originalmente para curta-metragem, o roteiro obteve elogios do roteirista Bráulio Mantovani, que escreveu filmes como: Cidade de Deus e Tropa de Elite (I e II) e ficou conhecido pelo público médio após sua indicação ao Oscar. Segundo Mantovani, "o roteiro de Gosto de Fel é muito bom e merece tornar-se um longa metragem".

Segundo o polêmico diretor Cláudio Assis (Febre do Rato, Baixio das Bestas e Amarelo Manga), principal referência de Besant entre os cineastas brasileiros, o roteiro "é forte mas é bom".

Gosto de Fel é um filme "crú  e visceral" com linguagem contemporânea, por isso o diretor optou por usar câmera na mão durante todo o filme.

O diretor/roteirista Beto Besant possui forte influência de cineastas polêmicos, como: Lars von Trier, Michael Haneke, Alejandro Iñárritu, Pedro Almodóvar e Cláudio Assis.

As locações dividem-se entre as cidades de Ribeirão Pires e Santos.

 

Sinopse:

Um assassino em série aterroriza a cidade, emasculando dezenas de homens. O delegado Silveira (Flávio Galvão) investiga o caso junto do médico legista Wanderley (Caco Ciocler). Silveira tem no perito Feitosa (Bruno Giordano) seu maior aliado para que possa atingir seus objetivos sem qualquer escrúpulo.

Maurício (Eduardo Scheck) passa os dias cuidando de sua mãe doente e é enfermeiro particular de João (Ney Matogrosso). Um homem velho, paralítico, rabugento e extremamente prepotente.

Paralelamente, Vera (Maria Rocha) se prostitui para cuidar de seu filho (Giovanni Dias) e de um menino de rua (Lucas Rocha), que está no limite da marginalidade devido à influência de seu amigo Lacraia (Felipe Falanga).

Pouco a pouco, as histórias vão se cruzando. Como numa teia de aranha, onde ninguém sairá ileso.

FICHA TÉCNICA

Roteiro e Direção:
Beto Besant

Colaboração no Roteiro:
Felipe Petrucelli

Assistente de Direção:
Leonardo Granado

Produção:
Eduardo Scheck

e Beto Besant

Direção de Fotografia:
Beto Perocini

Câmera:
Beto Perocini e

Luiz Felipe Marcondes

Som Direto:
Leonardo Granado

Elétrica:
Luiz Felipe Marcondes e Beto Perocini

Direção de Arte:
Beto Besant

Figurinos:
Iraci de Jesus

Still & Making Of:
Anderson Reis

e Felipe Peretti

Assistentes de Produção:
Alcilene Evangelista

e Carla Figlia

Cabelo & Maquiagem:
Ray Miranda

MAKING OF

NEY MATOGROSSO comenta

sua participação no filme

ALTAS HORAS - TV Globo

SEM CENSURA - TV Brasil

Coletiva de Imprensa

do filme "Olho Nu"

Siga-nos:
  • Facebook Classic
  • c-youtube
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now